Foram inauguradas, esta segunda-feira, as obras de requalificação e ampliação da Escola Básica n.º 2 de Alhandra. O projeto que teve início nos mandatos de Maria da Luz Rosinha, iniciou-se com Alberto Mesquita e foi agora inaugurado oficialmente pelo presidente de Câmara de Vila Franca de Xira atual, Fernando Paulo Ferreira.

Em causa está um investimento total de 1,6 milhões de euros, sendo que 620 mil euros provêm do FEDER e 980 mil euros foram da responsabilidade do Orçamento Municipal. Com esta obra, foi possível a remodelação quase total do antigo edifício de dois pisos, numa área total de cerca de 1.200 m2.

A cerimónia de abertura, marcada pela presença de professores, contou também com a atriz e encenadora, Maria João Luis, que foi aluna naquela escola. A atriz recordou que estava na escola aquando do 25 de abril, e recordou o episódio em que a professora “retirou à pressa” as fotografias de Américo Tomaz e Salazar.

Segundo a diretora do agrupamento, Isabel Estevinha, a história da escola não se limita às salas de aula. A professora recorda os movimentos culturais e a luta antifascista aos quais está ligada a vila de Alhandra e tudo isso se reflete também neste edifício.

Fernando Paulo Ferreira recordou, igualmente, que Alhandra tem um posicionamento muito especial dentro do concelho de Vila Franca de Xira, e que por isso fez sentido escolher alguém que não fosse um político para apadrinhar a cerimónia. “Tem tudo a ver com Alhandra”, e por isso “achei que era uma boa ocasião de fazer uma coisa fora da caixa”.

Para o presidente da Câmara, “esta escola faz uma ponte entre o passado e o futuro, e prova que este encadeamento de tempo não significa que as coisas percam importância, e se destruam, só porque se alteram”.

Escola Secundária de Alhandra na lista das obras urgentes

 O repto foi lançado pela diretora do agrupamento ao presidente da câmara. São urgentes obras na Escola Soeiro Pereira Gomes. Há anos que os docentes, e encarregados de educação o reclamam, mas têm vindo a ser adiadas.

Aos jornalistas, o presidente da autarquia, sublinhou que as obras estão inscritas “na lista das prioridades nacionais”. O autarca vincou que a escola de Alhandra está em segundo lugar, porque na primeira prioridade do concelho encontra-se a escola EB 2.3 de Vialonga.

Fernando Paulo Ferreira referiu que o município vai agora “lançar os procedimentos para o projeto de execução”.

Artigo anteriorCentro de Saúde de Azambuja pode ter médicos a dar consultas todo o dia
Próximo artigoDadores de Sangue da Póvoa promovem recolha amanhã

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva um comentário
Por favor, o seu nome