Trata-se de Mariana Dias que vai assumir o lugar temporariamente

Mariana Dias, do PSD, vai assumir o lugar temporariamente na mesa da Assembleia de Freguesia de Azambuja. A saída de um elemento do PS devido a licença de maternidade, levou a que o Partido Socialista, convidasse “o segundo partido mais votado” segundo o presidente da Junta André Salema, para este período que não será superior a um ano.
O presidente da junta salienta que o acordo “correu sem problemas”. Foi tudo “muito pacífico” e esclarece que a existência “de uma convivência sã entre os diversos partidos” com assento na junta e na assembleia de freguesia de Azambuja propiciou o convite.

A votação na escolha de Mariana Dias, terá sido, segundo o presidente da junta, “unânime”, tendo todas as forças políticas, inclusive a CDU que dá apoio ao executivo de André Salema, votado a favor desta substituição transitória, vincando que a transição da secretaria da assembleia para o executivo, também foi unânime.

Para o André Salema, estas nomeações “são um exemplo”. “É deste tipo de exemplos que precisamos que consiste em rumar todos para o mesmo lado, quando as coisas estão a funcionar bem, e por isso é deixá-las funcionar”.

Artigo anteriorEditorial: “Valor Local celebra uma década de existência este ano”
Próximo artigoCâmara do Cartaxo assina parceria com a Universidade Autónoma de Lisboa

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva um comentário
Por favor, o seu nome