O vereador do PSD na Câmara de Alenquer voltou a questionar o executivo socialista sobre os cargos dos funcionários da autarquia. Segundo o eleito não tem qualquer sentido a justificação que tem sido dada pelo PS de que em causa pode estar a lei de proteção de dados para não facultar a informação em causa sobre os trabalhadores. Nuno Henriques sublinhou – “Os funcionários são pagos pelo dinheiro dos nossos impostos e como tal temos o direito de saber quem são as pessoas, o que elas fazem, que habilitações possuem e qual a sua produtividade”, exigindo como tal “mais transparência”. Recentemente, o município atribuiu prémios de produtividade a alguns funcionários, facto que Henriques saudou. Na resposta Pedro Folgado, presidente da Câmara, referiu não ter problemas em facultar a informação pedida pelo vereador social-democrata, embora tenha deixado no ar – “O problema é o que se faz com ela”. Henriques retorquiu – “Tenho sido sempre zeloso e confidencial”.

O município pediu um parecer à Comissão de Acesso aos Documentos Administrativos (CADA) sobre este assunto.

Nuno Miguel Henriques apresentou, ainda, recentemente queixa no Ministério Público pelo facto de o presidente da Câmara, Pedro Folgado, quando se ausenta do município e não comparece nas reuniões de Câmara, dar como justificação que se encontra em representação do município no exterior.

Normalmente, Folgado faz-se substituir por outra pessoa que seguia nas listas à autarquia em 2021. Segundo Nuno Miguel Henriques, neste tipo de situações o eleito Pedro Folgado não dever ser substituído, dado que aquilo que é evocado é que se encontra no exterior, mas em funções de autarca. As substituições, no seu entender, apenas devem ocorrer em caso de doença ou de falta ao trabalho. O município já argumentou que pediu pareceres que lhe dão razão, mas o vereador refere o contrário, respaldando-se também em documentação para o efeito, e adianta ainda que em causa podem estar decisões tomadas no âmbito dos trabalhos do órgão executivo.

Artigo anteriorPopulação de Casal das Balas quer estrada reaberta antes do próximo inverno
Próximo artigoExclusivo: Ex-empregados do dono do Mouchão do Lombo do Tejo podem penhorar ilha

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva um comentário
Por favor, o seu nome