31.5 C
Lisboa

Câmara de Vila Franca acusada de não fazer obras na Escola da Chasa

As condições na Escola Básica nº4 da Chasa em Alverca deixam a desejar. O assunto foi levado a reunião de Câmara de Vila Franca de Xira pela oposição PSD e CDU, depois de o estabelecimento ter sofrido com inundações na sequência do mau tempo verificado nas primeiras semanas de junho.

Nuno Libório, da CDU, elencou que “a falta de condições conduziu a uma situação calamitosa”, com necessidade de fechar algumas salas de aula. A escola no seu entender e daquilo que lhe é dado a conhecer pelos encarregados de educação “encontra-se degradada”, sendo realizada pouca ou nenhuma manutenção “a nível de estores e iluminação”. Os candeeiros “encontram-se em mau estado” e a cozinha “não está conforme a lei”. Nuno Libório adiantou ainda que “os pais pagaram as pinturas no laboratório”, tendo deixado a interrogação – “Como vamos assegurar condições de salubridade a esta escola?”. Também Ana Afonso, do PSD, questionou acerca do estado em que se encontra a escola, “e como foi possível que tenha chegado a este estado”.

“Nunca vi um concelho com escolas tão maltratadas”

Na mesma reunião de Câmara interveio, Ana Isabel Saraiva, professora no concelho, com filhos a frequentarem a escola da Chasa. “Nunca vi em concelho nenhum, escolas tão maltratadas”. Já na escola em questão deu a conhecer que “as paredes estão cheias de bolor”, “não há acessos para pessoas com mobilidade reduzida”, nem sequer “temos um pavilhão desportivo”.

Na resposta, a vice-presidente, Marina Tiago, lamentou a generalização que a munícipe produziu em relação às escolas do concelho. Quanto ao estado em que se encontra o estabelecimento da Chasa, referiu que as intervenções são agendadas em consonância com a direção do Agrupamento Pedro Jacques Magalhães, e que já se interveio a nível das coberturas em fibrocimento, caixilharia, instalações sanitárias, parque infantil naquela escola. A intempérie das últimas semanas “foi um fenómeno atmosférico invulgar”. Reconheceu que aquilo que já foi feito pode não ter respondido a todas as exigências dos encarregados de educação, mas deu a conhecer que terão lugar novas intervenções na escola em causa.

últimos artigos

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva um comentário
Por favor, o seu nome